Dicas Yin-Yang da LabConsul-T

                  A LabConsul-T® pretende promover o uso construtivo e positivo do conhecimento e das novas ferramentas da gestão e otimização da resposta laboratorial, que contribuam para um individuo mais consciente, otimista e concentrado nos indicadores de saúde do seu corpo e mente. 

                Este espaço é dedicado à divulgação de artigos, procedimentos técnicos, ferramentas praticas, ideias e conceitos orientados para o profissional de laboratório e também para o bem-estar individual dos seus utentes, acompanhados de exemplos práticos de como o Laboratorio do Século XXI pode ser um aliado para o máximo potencial do individuo na Sociedade, ao contribuir para uma cultura positiva, consciente e proactivamente dedicada à saúde.


A LabConsul-T® pretende promover o uso construtivo e positivo do conhecimento e das novas ferramentas da gestão e otimização da resposta laboratorial, que contribuam para um individuo mais consciente, otimista e concentrado nos indicadores de saúde do seu corpo e mente.

A Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML) publicou recentemente uma nota anunciando a mudança nos valores de referência para vitamina D.

Avaliação Externa da Qualidade Laboratorial - Modelo de Checklist para identificar problemas e erros nos resultados de um PAEQ.

Este é o lugar onde o seu texto começa. Pode clicar aqui e começar a digitar. Illo inventore veritatis et quasi architecto beatae vitae dicta sunt explicabo.

Checklist AEQ
Checklist AEQ

A avaliação externa da qualidade é um dos requisitos obrigatórios ao funcionamento de qualquer laboratório clínico.

O profissional do Laboratório Médico deve desenvolver competências de interpretação, identificação e resolução de problemas e erros provenientes dos Relatórios dos Programas de Avaliação Externa da Qualidade.

A forte experiencia e conhecimento da rotina laboratorial associada ao parâmetro analítico avaliado no PAEQ, permite ao profissional identificar a(s) causa(s) do desvio/erro observado e ao mesmo tempo confirmar/quantificar se se trata de um erro clinicamente relevante, quando confrontado com um requisito de qualidade clínica.

A elaboração de uma checklist que permita elencar todas as possíveis causas (ou pelo menos a maioria) de erros e problemas nos PAEQ, é por inerência outra das mais valias que os profissionais experientes podem e devem dar ao seu laboratório, para adicionar maior qualidade e confiança ao processo de avaliação e interpretação dos erros e problemas detetados nos relatórios de AEQ.

Nesse sentido, e com base na nossa experiencia, a LabConsul-T® recomenda o modelo de checklist adotado pela equipa do Prof. Mario Plebani, do Hospital Universitario de Pádua - Itália. Podem encontrar o referida checklist como figura 2 do seguinte artigo, publicado na CCLM, revista cientifica da EFLM de acesso livre no link https://www.degruyter.com/downloadpdf/j/cclm.2018.56.issue-10/cclm-2017-1179/cclm-2017-1179.pdf .

Embora o tema central do artigo seja a necessidade de harmonizar os vários programas de avaliação externa da qualidade, a sua maior utilidade para a prática laboratorial são os exemplos de interpretação dos resultados do PAEQ, modelo de sistematização na escolha dos PAEQ e a checklist de identificação dos erros e problemas detetados nos relatórios de AEQ (figura 2).


Jorge Pinheiro

Consultor Sénior